domingo, 30 de outubro de 2011

MORTE E VIDA SEVERINA


No dia 18 de outubro a turma do sexto período de letras da Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde – AESA, compareceu à Estação da Cultura para prestigiar a exposição “O Poeta João” e assistir ao filme Morte e Vida Severina. A professora de literatura, Doutora Socorro Monteiro tomou a iniciativa de levar os estudantes para esse momento de interação com as atividades culturais da cidade e participar de uma sessão cineclubista articulada pelo Cineclube Locomotivo. Após apreciação da exposição com poesias de João Cabral de Melo Neto e exibição do filme, o grupo iniciou um debate com relação à adaptação da poesia para o cinema e ressaltaram a importância dessa parceria do movimento cultural integrado à atividade acadêmica.

Na semana seguinte, foi a vez da turma da Escola Carlos Rios comparecer à exposição e prestigiar o filme, convidados pelo professor Galdêncio Vilela, que mediou o debate e deu uma importante contribuição na análise dessa obra. Os estudantes também mostraram estar por dentro do assunto comentando aspectos importantes da poesia adaptada para o cinema.

Esse projeto é fruto de uma parceria da Associação Estação da Cultura com o SESC Arcoverde.




quinta-feira, 8 de setembro de 2011

O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet


O filme foi uma indicação do professor de Literatura Alexandre Monteiro. Realizamos a divulgação através das redes sociais e cartazes impressos. A sessão aconteceu no galpão de teatro.

Contamos com a presença de vários jovens e até de algumas crianças que brincavam no entorno da Estação. Mesmo com o frio que tomava conta da cidade naquela noite de domingo, o público compareceu e foi presenteado com um belo musical, que mistura suspense e assassinato com a leveza dos textos musicados e brilhantes atuações.

No debate, levantou-se questionamentos sobretudo relacionados ao desfecho do filme, que, por não lançar mão de uma decupagem clássica, não atingiu as expectativas do público. Conversamos também sobre o cineclube e a respeito dos gêneros audiovisuais que esses jovens mais apreciam.


quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Sessão Macunaíma

O filme começa com o parto de Macunaíma, um herói preguiçoso. De tão preguiçoso, ele só começa a falar aos seis anos de idade. Na metade do filme, Macunaíma (interpretado por Grande Otelo) muda de aparência, sendo substituído por Paulo José. Outra personagem marcante é Ci, vivida por Dina Sfat, que no filme se torna uma guerrilheira.

O filme permite muitas interpretações, com alusões ao desenvolvimentismo, ao tropicalismo e à luta armada que corria solta nos "Anos de Chumbo", sem perder a ligação com a obra literária na qual se baseia (escrita na primeira metade do século XX), com aparição de vários personagens do folclore brasileiro, tais como o Caipora.


DireçãoJoaquim Pedro de Andrade
RoteiroJoaquim Pedro de Andradeadaptado do livro de Mário de Andrade
Elenco originalGrande Otelo
Paulo José
Dina Sfat
Milton Gonçalves
Jardel Filho
Rodolfo Arena
Génerocomédia


quarta-feira, 27 de julho de 2011

CINEMA PARADISO


Por Ubirajara Tavares

O filme Cinema Paradiso é uma amostra do descaso das instituições publicas, podemos citar o caso do nosso cinema em Arcoverde. O personagem Totó realiza uma das mais belas declarações de amor ao cinema, o protagonista desta história, já imortalizado neste gênero artistico-cultural, se identifica profundamente com o projecionista Salvatore. O Cinema Paradiso nos mostra uma das coisas mais belas que a vida nos traz, que são as amizades que conseguimos ao longo dela. Não importa se são entre mulheres, homens, jovens, adultos ou até entre crianças e adultos, desde que elas sejam verdadeiras. Isso é o que o diretor mostra em uma linda história entre uma criança que adorava ir ao cinema e o projecionista do local, que já era uma pessoa mais vivida. Quem é fã de cinema e já assistiu a esse filme sabe do que estou falando. Essa bela produção conta a trajetória desde a infância difícil, passando pelos problemas da adolescência até a maturidade de Totó relacionando a história dele com o cinema.

domingo, 24 de julho de 2011

Relato da Sessão


Por: Débora Barboza

A galera do cineclube divulgou o filme pela internet durante a semana. Neste sábado, dia 23 de julho, assistimos o lindo e simples longa-metragem, que foi bem interessante, onde as pessoas, sem falar muito, demonstraram que gostaram bastante.

Apesar de muitos terem chegado atrasados foi um debate e tanto. Nesse inverno nós ficamos até com certo medo de fazer as exibições por causa das chuvas e de que as pessoas não queiram ir. Mas nós nos enganamos, eu acho que o que vale é a boa vontade de se distrair, desenvolver a mente.

Nós contamos com a presença de bários jovens. A construção do nosso roteiro de ficção está indo além do que estava previsto, todos interagindo, dando ideias, e com certeza vai ser uma boa experiência pra nós que começamos esse projeto e queremos continuar. O roteiro está pronto, falta só começar a maquinar e confiar no nosso potencial que vai dar tudo certo.

Espero que mais pessoas se interesse pelo cineclube, pois é um projeto muito bom, que desenvolve nossas mentes e faz de nós pessoas mais comunicativas. Essa experiência está me deixando com vontade de querer mais e espero que isso aumente cada vez mais.





quinta-feira, 14 de julho de 2011

Filme Pernambucano na próxima sessão

• Direção: Marcelo Gomes, Karim Ainouz
• Roteiro: Marcelo Gomes, Karim Ainouz, Eduardo Bernardes (colaboração)
• Gênero: Drama
• Origem: Brasil
• Duração: 71 minutos
• Tipo: Longa-metragem

Sinopse: A história de José Renato, geólogo, 35 anos, enviado para realizar uma pesquisa de campo durante a qual terá que atravessar todo o Sertão, região semi-desértica, isolada, situada no Nordeste do Brasil. O objetivo de sua pesquisa é avaliar o possível percurso de um canal que será construído a partir do desvio das águas do único rio caudaloso da região. No decorrer da viagem, nos damos conta que há algo de comum entre José Renato e os lugares por onde ele passa: o vazio, uma certa sensação de abandono, de isolamento. O desolamento da paisagem parece ecoar em José Renato e a viagem vai ficando cada vez mais difícil.


quarta-feira, 13 de julho de 2011

Equipe Locomotivo

video


Essa turma está maquinando...




.botao a{text-decoration: none; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; color: #000000; background-color: #F2DBB9; background-image: url(http://img10.imageshack.us/img10/5389/overuar.jpg); width: 210px; text-indent: 5px; height: 30px; display: block; line-height: 30px; font-size: 12pt; } .botao a:hover{ color: #000099; background-color: #cbe1ec; background-image: url(http://img254.imageshack.us/img254/6578/outa.jpg); }